terça-feira, 17 de janeiro de 2023

COMPILAÇÃO DA IMPRENSA (127)

Os anteriores » AQUI
In A UNIÃO - 27 / Setembro /1973

...nessa época aumentar ordenados aos trabalhadores rurais … lá vinham as ameaças veladas..."estão a inflacionar".
 
Outras "Parras" :


Planta da Freguesia dos Biscoitos (ano 1830) aqui

Plantas Vasculares nas Vinhas dos Biscoitos (ano 1971) aqui.

"A vinha perde-se e a população nada ganha" (ano 1994) aqui.

"Região de Biscoitos, nos Açores - Casas em vez de vinhas" - Santos Mota (ano 1994) - aqui.

"Biscoitos: que futuro? "-José Aurélio Almeida (ano 1996) - aqui.

"As Vinha dos Biscoitos" -Bailinho de Carnaval da Freguesia das Fontinhas. (ano 1997) aqui.

Pisa e Mosto (1997) aqui

Sinónimos- Casta Terrantez da Terceira -Aqui

"Uma virada nos Biscoitos"(Açores)- (ano 1998) aqui.

O viticultor açoriano está envelhecido (ano 1998/99) aqui

“Provedor de Justiça dá razão à Confraria” (ano 1999) aqui.

“Museologia de Interpretação da Paisagem Ecomuseu dos Biscoitos, da ilha Terceira” - por Fernando Santos Pessoa (ano de 2001) aqui.

"Carta de risco geológico da Terceira" (ano ano 2001) aqui.

"Paisagem Báquica - Memória e Identidade" - Aurora Carapinha (ano 2001) aqui.

“A Paisagem Açoriana dos Biscoitos” - por Gonçalo Ribeiro Telles (ano 2002) aqui.

"Fadiga sensorial" (ano 2007) aqui.

"Defender curraletas!" (ano 2007) aqui.

"Tutores" (ano 2007) aqui.

"Rememorando as origens dos Biscoitos nos séculos XV e XVI"- por Rute Dias Gregório (ano 2008) aquiaqui e aqui.

“A Vinha, o Vinho dos Biscoitos e o Turismo” - por Margarida Pessoa Pires (ano 2009) aqui.

S. Pedro e S. Paulo .../... Quinta-feira dos compadres  (Carnaval na Ilha Terceira -16/02/2017)aqui


"O Aditivo"- por Francisco dos Reis Maduro-Dias -ano de 2009 
Aqui

A Casa Agrícola Brum tem nova administração - ANO de 2010 AQUI

Biscoitos de Lava para os “sete magníficos” (ano 2011) aqui

"Acerca do vinho" -por Francisco Maduro-Dias (ano 2011) Aqui

Produção de vinho nos Biscoitos em 2015 - Aqui

Carnaval- Quinta -feira de compadres na ilha Terceira (Fevereiro 2017)- Aqui

Garrafa Comemorativa do 125.º Aniversário da Casa Agrícola Brum - 2015 - Vídeo Aqui

BRUM 130 Anos de Tradição  (Ano 2020) Aqui

domingo, 1 de janeiro de 2023

EFEMÉRIDES AÇORIANAS - JANEIRO (15)


📷José da Silva Maya  Arquivo: Luís Mendes Brum
Leiteiro - Casa de José da Silva Maya. Silveira. S. Pedro. Angra do Heroísmo


1. 2022-Gasolina e gasóleo baixam de preço nos Açores.

2. 2.1983-É inaugurado o novo edifício do Jardim de Infância da Casa do Povo da Terra-Chã, concelho de Angra do Heroísmo.

3. 1950- Nasce em Ponta Delgada, Ilha de S. Miguel, Mário António da Mota Mesquita.

4.2017-O ilustre angrense Dr. Francisco dos Reis Maduro-Dias é a Personalidade do Ano 2016 pela Associação Portuguesa de Museologia.

5.1844- Vindo de Gottenburg encontra-se no porto da Horta o brigue sueco Harmonia.

6.2020-O navio de cruzeiro AidaCara encontra-se na Praia da Vitória

7.1968- Nasce António Oldemiro das Neves Pedroso, natural da freguesia de Norte Grande, Ilha de S. Jorge.

8.1934-Realiza-se a cerimónia da benção da Igreja de Santo Antão em Vila do Porto, Ilha de Santa Maria

9.1974- O Bispo de Angra D. Manuel Afonso de Carvalho visita a freguesia de Ribeira Chã, concelho de Lagoa, Ilha de S. Miguel. 

10.2022-A presidente da Câmara Municipal da Praia da Vitória, Vânia Ferreira, a vereadora Otília Martins, o presidente de Junta de Freguesia dos Biscoitos, Luís Vieira e os técnicos da Autarquia, visitam o "Bar do Abismo" nos Biscoitos, para avaliar a obra de requalificação realizada no ano passado.

11.1846- É inaugurada em Ponta Delgada, Ilha de S. Miguel, a Biblioteca Municipal.

12.1949-Vai a concurso a obra da estrada entre Caveira e Lomba do Pomar na Ilha das Flores.

13.1974-Por despacho ministerial o conceituado clinico angrense Dr. Mário Parreira Sousa Lima, na sua qualidade de oficial miliciano é o novo facultativo da guarnição militar de Angra do Heroísmo (B.I.I.17 e D.R.M.

14.2022-Realiza-se uma sessão  no Auditório da Academia de Marinha com a comunicação "A extinção da Provedoria das Armadas e a criação da Intendência da Marinha nos Açores", pelo Académico Manuel Augusto de Faria.

15.2022-O Grupo de Cante Alentejano "Planície Cantada" actua na Praça Francisco Ornelas da Câmara, na Praia da Vitória. Durante a estada o grupo visitou o Museu do Vinho da Casa Agrícola Brum em Biscoitos.

Uma digressão do grupo pelo país para divulgar o Cante Alentejano e a Viola Campaniça.

16.1974- Passa a exercer interinamente o cargo de Governador Militar dos Açores, o comodoro António Rodrigues Gonçalves, comandante naval dos Açores.

17.1974- Encontra-se na Ilha Terceira em visita de despedida, o general Guilherme Teixeira Dias Costa, que acaba de deixar o cargo de Governador Militar dos Açores.

18.1917- Nasce na Candelária, concelho de Madalena, ilha do Pico, Áureo da Costa Nunes e Castro.

19.1974-O Deputado Dr. Ávila de Azevedo realça os vinhos açorianos na Assembleia Nacional, durante o debate sobre "Regime de Condicionalismo do Plantio da Vinha"

20.2022- Começa na Praia da Vitória a vacinação contra a Covid-19 destinada a crianças com idades entre os 5 e os 11 anos.

21.1974-Dezoito operários, por conta dos Serviços Municipalizados de Angra do Heroísmo, iniciam na freguesia de Biscoitos, concelho de Praia da Vitória, os trabalhos da montagem da rede eléctrica, que abrangerá também as freguesias de Quatro Ribeiras  e Agualva.

22.1974- Em Editorial o semanário "Correio dos Açores" sugere a criação do Museu do Mar em Ponta Delgada, Ilha de S. Miguel.

23.2022- Realiza-se na Igreja Matriz de Praia da Vitória uma Missa em honra de São Sebastião, cumprindo-se o compromisso da Câmara Municipal da Praia da Vitória de recordar anualmente as vítimas da peste que assolou a ilha em 1599.
24.1848- O cuter "Andorinha" deixa o porto da Horta.

25. 1994 – São criadas as Zonas Vitivinícolas, de Biscoitos (Ilha Terceira), da Graciosa e do Pico

26.2016- A Força Aérea Portuguesa resgata um tripulante português do sexo masculino da embarcação Santa Mafalda, a 410 milhas náuticas a noroeste da ilha de São Miguel.

27.1889- Falece em Angra do Heroísmo o 28.º Bispo de Angra D. João Maria Pereira de Amaral e Pimentel. Era natural de Oleiros (Distrito de Castelo Branco).

28.1924- Falece o Micaelense Teófilo de Braga.

29.1974-Encontra-se no Porto das Pipas, em Angra do Heroísmo, o navio cipriota "Litsa" a fim de descarregar cerca de 1.900 toneladas de trigo, proveniente da Roménia, seguindo após a descarga para a ilha do Faial com igual objectivo.

30.1974-"Desapareceu há cerca de dois meses, uma gueixa de cor vermelha lavrada, moja e com um brinco na orelha direita, pertencente ao Império de S. João de Deus, Angra do Heroísmo. Gratificando-se, pede-se à pessoa que saiba do seu paradeiro o favor de entrar em contacto pelo telefone…"

31.1959- É inaugurado o Coreto nos Ginetes (ilha de S. Miguel).


Fonte: Fonte: Arquivos de José da Silva Maya, Álvaro de Castro Meneses, “Revista Ilha Terceira”; Boletim Municipal CMAH, Boletim do Instituto Histórico da Ilha Terceira Vol.XLIX  , “Almanaque Açores”, Jornal da Praia 30.06.2014.Garrett e a Ilha Terceira – Memorial por João Dias Afonso; Paulo de Ávila de Melo-O Império da Caridade do Corpo Santo ou Ermida de São João Baptista. A União /1974.



quinta-feira, 15 de dezembro de 2022

COMPILAÇÃO DA IMPRENSA (126)

O anterior Aqui

In La VIGNE
LA REVUE DU MONDE VITICOLA




Outras "Parras" :


Planta da Freguesia dos Biscoitos (ano 1830) aqui

Plantas Vasculares nas Vinhas dos Biscoitos (ano 1971) aqui.

"A vinha perde-se e a população nada ganha" (ano 1994) aqui.

"Região de Biscoitos, nos Açores - Casas em vez de vinhas" - Santos Mota (ano 1994) - aqui.

"Biscoitos: que futuro? "-José Aurélio Almeida (ano 1996) - aqui.

"As Vinha dos Biscoitos" -Bailinho de Carnaval da Freguesia das Fontinhas. (ano 1997) aqui.

Pisa e Mosto (1997) aqui

Sinónimos- Casta Terrantez da Terceira -Aqui

"Uma virada nos Biscoitos"(Açores)- (ano 1998) aqui.

O viticultor açoriano está envelhecido (ano 1998/99) aqui

“Provedor de Justiça dá razão à Confraria” (ano 1999) aqui.

“Museologia de Interpretação da Paisagem Ecomuseu dos Biscoitos, da ilha Terceira” - por Fernando Santos Pessoa (ano de 2001) aqui.

"Carta de risco geológico da Terceira" (ano ano 2001) aqui.

"Paisagem Báquica - Memória e Identidade" - Aurora Carapinha (ano 2001) aqui.

“A Paisagem Açoriana dos Biscoitos” - por Gonçalo Ribeiro Telles (ano 2002) aqui.

"Fadiga sensorial" (ano 2007) aqui.

"Defender curraletas!" (ano 2007) aqui.

"Tutores" (ano 2007) aqui.

"Rememorando as origens dos Biscoitos nos séculos XV e XVI"- por Rute Dias Gregório (ano 2008) aquiaqui e aqui.

“A Vinha, o Vinho dos Biscoitos e o Turismo” - por Margarida Pessoa Pires (ano 2009) aqui.

S. Pedro e S. Paulo .../... Quinta-feira dos compadres  (Carnaval na Ilha Terceira -16/02/2017)aqui


"O Aditivo"- por Francisco dos Reis Maduro-Dias -ano de 2009 
Aqui

A Casa Agrícola Brum tem nova administração - ANO de 2010 AQUI

Biscoitos de Lava para os “sete magníficos” (ano 2011) aqui

"Acerca do vinho" -por Francisco Maduro-Dias (ano 2011) Aqui

Produção de vinho nos Biscoitos em 2015 - Aqui

Carnaval- Quinta -feira de compadres na ilha Terceira (Fevereiro 2017)- Aqui

Garrafa Comemorativa do 125.º Aniversário da Casa Agrícola Brum - 2015 - Vídeo Aqui

BRUM 130 Anos de Tradição  (Ano 2020) Aqui

 

 

sábado, 10 de dezembro de 2022

Homenagem a uma ARTISTA POPULAR

EMA LEMOS (1932-2022)



Paços do concelho de Angra do Heroísmo. Sanjoaninas /1991- Exposição de Ema Lemos



JÁCOME DE BRUGES BETTENCOURT

Só há pouco tempo soube do falecimento de D. Ema Lemos, cujo desaparecimento empobreceu sobremaneira os Açores. A tecelagem tradicional e não só, perdeu uma das mais notáveis Artistas da Região.

Conhecia-a no dia 24 de novembro de 1989, durante a cerimónia de inauguração da 1ª Exposição da Artista, feita a convite da então Directora da Casa da Cultura de Angra, Doutora Maria Antonieta Mendes do Couto Costa, na Galeria da DRAC-SREC, na altura localizada na rua da Sé.

Ema Silveira de Lemos nasceu a 7 de novembro de 1932 na Vila das Velas, ilha de S. Jorge, onde aos catorze anos se profissionalizou em tecelagem das famosas colchas de tear, da sua ilha. Veio, jovem, residir em 1952 para a Terceira, Ribeirinha, Ladeira Grande nº 5, sendo que aí casou a 5 de Julho de 1952 com Francisco Machado Vitória. Morreu aos 89 anos a 11 de fevereiro de 2022, após quase setenta anos de vivencia na Ribeirinha, concelho d’Angra do Heroísmo.

Antonieta Costa no folheto alusivo a essa Exposição escreveu: “durante toda a sua vida fez tecelagem pelos padrões tradicionais. Há oito anos decidiu (sem qualquer preparação) começar a improvisar os seus próprios desenhos. O sucesso que a figuração do quotidiano, visto pelos seus olhos e tecido pelas suas mãos, obteve logo à partida, animou-a a continuar. Saíu, expôs em feiras pelos Açores e sobretudo no Continente Português. Os seus trabalhos partiram para todo o mundo. Mormente América, Brasil, Canadá, França, Alemanha, eram os seus destinos. Recebe encomendas específicas: esta casa, aquele barco… As dimensões não variam muito: de 30cm x 40 cm até 75 cm x 90 cm. As cores usuais – o azul forte, o verde, o rosa, modelam casas, impérios, touradas, barcos.

Quer pesquisar o passado para melhor o ligar ao futuro. Entrelaçados nos fios do tear velhinho, saindo das raízes da tecelagem, surgem as novas técnicas a transfigurar o antigo-moderno, a cultura que se renova.”

Antonieta Costa salienta ainda: “Nas artes da tecelagem a ilha Terceira tem manifestado uma vontade clara e definida de progresso, neste caso libertação em direcção a formas individualizadas de expressão. Os artistas anteriormente presos a processos ainda ligados aos modelos tradicionais (das populares colchas ou mantas), improvisam sobre os liços e a teia, formas, padrões e usos novos.”

D. Ema frequentou com bom aproveitamento alguns dos cursos promovidos pela Casa da Cultura, ministrados por Tristão Freire de Andrade.

O Autor destas linhas ao ter consciência do valor de D. Ema Lemos, pela observação das suas obras, e estando ligado ao Sector Cultural do Município Angrense, sugeriu-lhe, com a anuência e apoio do então Presidente Dr. Joaquim Carlos Vasconcelos da Ponte, uma nova exposição a ter lugar durante as Festas Sanjoaninas/91, no hall superior dos Paços do Concelho, sob o título “Tecelagem Tradicional (Outra Abordagem), solicitando a preciosa colaboração do artista plástico Tristão Manuel Ferreira Freire de Andrade (1945-2011), antigo funcionário da DRAC e depois do Museu d’Angra, que montou a 2ª Exposição com 13 Quadros”, e no Folheto/Catálogo inerente afirma: “Quando falamos de artesanato, algumas opiniões redutoras e mercantilistas apontam para um produto de qualidade duvidosa, feito à mão, supostamente portador de uma tradição localizada em épocas discutíveis, de um passado qualquer. Não concordo! Foi o artesão que justificou, pela qualidade do seu trabalho e pela evolução permanente do seu produto, a própria revolução industrial. Temos hoje rótulos para tudo: temos designers, temos técnicos, temos artistas, temos criativos. O artesão, na verdadeira acepção da palavra é tudo isso, e é ainda portador da tradição do bem feito à mão. A sra. D. Ema, que muito admiro, é mais do que isso: É uma verdadeira Artista Popular. Com a ingenuidade, aplicada aqui como tradução livre de naiveté, é capaz de fazer evoluir, no melhor sentido, o óptimo do nosso verdadeiro artesanato.”

Os trabalhos, ou seja a obra de D. Ema Lemos sempre mereceu o maior apreço de todos os amantes do belo, onde se conjugam duma forma impressionante bom gosto e uma extraordinária harmonia, desde as próprias cores vivas que imprime sobretudo nos Impérios…

Tive o privilégio dela me oferecer honrosamente um dos seus Impérios, que mandei emoldurar com o maior gosto e respeito. Ela não costumava assinar os trabalhos, tendo-lhe sugerido que o passasse a fazer, como marca autoral, mesmo que fosse só EMA e o ano de produção, tendo constatado que fez isso, pelo menos nalguns deles.

Aqui fica esta modesta homenagem e recordação, mais que merecida.

Que descanse em paz.


Casa da Quinta da Estrela, Angra do Heroísmo, 1º Dez. 2022

Fotos: Colecção. J.B.B.


quinta-feira, 1 de dezembro de 2022

EFEMÉRIDES AÇORIANAS - DEZEMBRO (14)


Luís Brum  aqui e... aqui



1.2018-Paulo de Carvalho, sobe ao palco do Auditório do Ramo Grande, Praia da Vitória, acompanhado pelo pianista cubano Victor Zamora. Este evento tem  o apoio da Associação Mutualista Montepio.
1.1904- O Orfanato Beato João Baptista Machado é instalado no Solar dos Remédios, freguesia da Conceição, Angra do Heroísmo.

2.1990- Falece em Paris  o ilustre  terceirense António da Costa, mais conhecido por António Dacosta . Foi pintor, poeta, crítico de arte

3.1954- 630 litros de vinho de cheiro são vendidos a 3$40 o litro, à porta do vinhateiro, em S. Bartolomeu dos Regatos, Às Duas Ribeiras (Ilha Terceira)para a freguesia de Agualva, na mesma Ilha.

4.2020-É editado no Faial, pela Junta de Freguesia dos Cedros, coordenada pelo Professor Doutor Carlos Lobão o livro intitulado " Pelo Campo - correspondências e outras histórias".

5.1978-As ligações aéreas inter-Ilhas encontra-se interrompidas, devido a uma avaria no avião  "Harald" fretado a uma companhia inglesa, o único avião que faz a ligação das ilhas do arquipélago dos Açores, desde que os pilotos da SATA entraram em greve, há dois meses.

6.1978- O posto de abastecimento MOBIL, no Largo Duque D´Ávila e Bolama (Horta), da firma António Pereira do Amaral&Filhos Lda., agentes da Mobil Oil Portuguesa, já está a fornecer gasóleo.

7.1985- A fim de comemorar o 2.º Aniversário do quinzenário “Directo” (que decorreu no dia 3 pp) de Angra do Heroísmo, vários convivas como colaboradores, redactores, amigos e simpatizantes, reúnem-se num restaurante daquela Cidade. Durante o convívio usaram da palavra o director Dr. António Leal das Neves e João de Ávila.

8.1978- O navio "Ponta Garça" encontra-se no porto da Horta.

9.1854-Falece João Baptista da Silva Leitão de Almeida Garrett, Visconde de Almeida Garrett. No seu bilhete de enterramento é dado como nascido na Ilha Terceira.

10.1978- Terminam os Colóquios sobre a Autonomia na Sociedade Amor da Pátria, na cidade da Horta.

11.2020- Abre  em Ponta Delgada , Ilha de São Miguel, A Vaga - Espaço de Arte e Conhecimento , com a temporada inaugural We never say never.

12.1971- Celebra-se na capela do antigo hospital da Santa Casa da Misericórdia de Angra do Heroísmo, a festa em honra de Nossa Senhora da Conceição.

12.1971-Completa 80 anos de idade (nascido na Vinha Brava, Angra do Heroísmo) e 73 de barbeiro, António Ferreira Fialho, proprietário, do "Salão Azul", situado na Rua da Sé.

13.1971-Celebra-se na paroquial de Santa Luzia , Angra do Heroísmo, a festa em honra da sua padroeira.

14. 1930- Tem início as comunicações telefónicas entre Ponta Delgada e Vila Franca do Campo.

15.1989- Encontra-se na Ilha de S. Miguel, a Orquestra Ligeira Juvenil da Escola C+S de S. Roque, Ilha do Pico.

16.1916- Nasce, numa casa da Rua do Armador, no Corpo Santo (Freguesia da Conceição, Angra do Heroísmo) Alberto d´Araújo. “O simpático Ti Alberto ficou conhecido na Cidade de Angra do Heroísmo e arredores por ser um excelente cozinheiro”. Para além de cozinhar para todos os Impérios do Espírito Santo da Cidade teve por diversas vezes encomendas de diversas instituições para além de casamentos, baptizados. “Estas refeições foram aquilo que fez do Ti Alberto um cozinheiro afamado”.

17.1917- É empossado no cargo de Governador Civil do Distrito da Horta o médico Dr. Manuel Francisco das Neves Júnior.

18.1971- A Saparia da Moda, na Rua de Lisboa, 80 em Angra do Heroísmo tem "O presente ideal para a sua esposa, noiva...Novos modelos em exposição e venda no agente GRUNDIG".

19.1971-A SATREL- Empresa Industrial de Construções, L.da. responsável pela construção e equipado a Estalagem da Serreta e o Hotel de Angra, tem a sua delegação na Praça Cavaleiro Ferreira, 11, em Angra do Heroísmo, a sua sede é em Lisboa 3, Avenida Infante Santo, 52-2º dt.º (3º esq.º e 4º esq.).

20.1974- O Comando B.I.I.17, em Angra do Heroísmo, promove o Natal da Unidade. Hoje é o dia dedicado aos filhos dos militares.

21.1836- O Visconde de Bruges assume o cargo de administrador do Distrito Central dos Açores.

22.1842- Vindo da Ilha Terceira chega ao porto da Horta o vapor de guerra inglês “Ttyx8”.

23.1974- A fim de passar a quadra natalícia com o seu filho, Jácome Augusto Paim de Bruges Bettencourt, encontra-se na Casa da Quinta da Estrela o Sr. Francisco Martins Bettencourt e Esposa Sr.ª D. Clara Paim de Bruges, residentes na Cidade da Horta.

24.1842-É criada a paróquia e freguesia de Nossa Senhora dos Milagres (Serreta -Ilha Terceira).

25.1985- Este Natal, na Ilha Terceira, há um presépio vivo no Porto Judeu e dois em S. Bartolomeu dos Regatos; um na Casa do Povo e o outro do casal Etelvina Fraga e Manuel Fernandes.

26.1996- O "Fernão de Magalhães" encalha em Angra do Heroísmo.

27. 1887- A barca Arcelina de nacionalidade portuguesa, vinda do Maranhão para o Porto, encalha afundando-se de seguida na Ponta das Quebradinhas, nas Quatro Ribeira, concelho de Praia da Vitória.

28.1981- Por deliberação da Câmara de Angra a Rua do Capitão João Coelho volta a chamar-se Rua do Morrão.

29.1482- A capitania da do Pico é anexada à capitania do Faial.

30. 30.2004-O aeroporto da ilha do Pico é certificado para voos directos com exterior.

31.1972-É inaugurada na freguesia dos Biscoitos, Ilha Terceira, a rede eléctrica.

Fonte: Fonte: Arquivos de José da Silva Maya, Álvaro de Castro Meneses, “Revista Ilha Terceira”; Boletim Municipal CMAH, Boletim do Instituto Histórico da Ilha Terceira Vol.XLIX  , “Almanaque Açores”, Jornal da Praia 30.06.2014.Paulo de Ávila de Melo-O Império da Caridade do Corpo Santo ou Ermida de São João Baptista.



sexta-feira, 25 de novembro de 2022

Provérbios e Pensamentos - Questões

- Uma das faltas de lógica mais comum e mais prejudiciais nas questões, é o estabelecer como princípio aquilo, que está em questão.

- Quem trata de obscurecer o estado de qualquer questão, assemelha-se ao peixe, que turba a água temendo ser apanhado.

- Quando humanos instruídos e de boa fé questionam por muito tempo, há um indício veemente de quem não é clara a questão.

- Nas questões há quase sempre indiscrições no falar, obstinações no discorrer, pertenções de superioridade que ofendem e que irritam.

- Ou não questionais nunca, ou se alguma vez o fizerdes moderai vossos discursos, pensai vossas palavras, sede severos convosco, e com o outros tolerantes.

-Nada deve dar-vos mais desconfiança do nosso juízo, que as questões e os debates de uma assembleia deliberante.


sexta-feira, 11 de novembro de 2022

Compilação da imprensa (125)

Anteriores aqui


Confraria do Verdelho dos Biscoitos
admite cinco novos elementos

In Diário Insular 22SET2022



 Outras "Parras" :


Planta da Freguesia dos Biscoitos (ano 1830) aqui

Plantas Vasculares nas Vinhas dos Biscoitos (ano 1971) aqui.

"A vinha perde-se e a população nada ganha" (ano 1994) aqui.

"Região de Biscoitos, nos Açores - Casas em vez de vinhas" - Santos Mota (ano 1994) - aqui.

"Biscoitos: que futuro? "-José Aurélio Almeida (ano 1996) - aqui.

"As Vinha dos Biscoitos" -Bailinho de Carnaval da Freguesia das Fontinhas. (ano 1997) aqui.

Pisa e Mosto (1997) aqui

Sinónimos- Casta Terrantez da Terceira -Aqui

"Uma virada nos Biscoitos"(Açores)- (ano 1998) aqui.

O viticultor açoriano está envelhecido (ano 1998/99) aqui

“Provedor de Justiça dá razão à Confraria” (ano 1999) aqui.

“Museologia de Interpretação da Paisagem Ecomuseu dos Biscoitos, da ilha Terceira” - por Fernando Santos Pessoa (ano de 2001) aqui.

"Carta de risco geológico da Terceira" (ano ano 2001) aqui.

"Paisagem Báquica - Memória e Identidade" - Aurora Carapinha (ano 2001) aqui.

“A Paisagem Açoriana dos Biscoitos” - por Gonçalo Ribeiro Telles (ano 2002) aqui.

"Fadiga sensorial" (ano 2007) aqui.

"Defender curraletas!" (ano 2007) aqui.

"Tutores" (ano 2007) aqui.

"Rememorando as origens dos Biscoitos nos séculos XV e XVI"- por Rute Dias Gregório (ano 2008) aquiaqui e aqui.

“A Vinha, o Vinho dos Biscoitos e o Turismo” - por Margarida Pessoa Pires (ano 2009) aqui.

S. Pedro e S. Paulo .../... Quinta-feira dos compadres  (Carnaval na Ilha Terceira -16/02/2017)aqui


"O Aditivo"- por Francisco dos Reis Maduro-Dias -ano de 2009 
Aqui

A Casa Agrícola Brum tem nova administração - ANO de 2010 AQUI

Biscoitos de Lava para os “sete magníficos” (ano 2011) aqui

"Acerca do vinho" -por Francisco Maduro-Dias (ano 2011) Aqui

Produção de vinho nos Biscoitos em 2015 - Aqui

Carnaval- Quinta -feira de compadres na ilha Terceira (Fevereiro 2017)- Aqui

Garrafa Comemorativa do 125.º Aniversário da Casa Agrícola Brum - 2015 - Vídeo Aqui

BRUM 130 Anos de Tradição  (Ano 2020) Aqui